Os parceiros em Hong-Kong

“Aprenda a amar a Deus e aos outros”…
"Comunique o amor do Senhor
para que os outros saibam ”...
é isso que os novos parceiros de Hong Kong procuram.

“Eu, Rosa, na escuta e no aprofundamento da Palavra de Deus, espero enriquecer-me espiritualmente para poder servir ao Senhor e assim ajudar os outros a acolhê-lo. "



“Eu, Daniel, irmã Jacqueline, fiz-me entrar na Igreja. Nela vi paciência e amor. Peter (outro associado) me apresentou ao grupo de Associados CND para que eu pudesse conhecer a Congregação da Irmã Jacqueline. Peter e a irmã Jacqueline são pessoas que aprecio: quero seguir o exemplo deles e aprender por meio do grupo de Associados como amar a Deus e aos outros. "



“Eu, Ivis, espero aprofundar melhor o espírito de nossos dois Fundadores, aprofundar minha vida espiritual e, por meios diferentes, servir aos outros. "



“Eu, Ivan, a exemplo de Maria, através dos ensinamentos da Igreja, quero ser uma testemunha fiel de Deus e de seu Filho e servir aos outros. "



“Eu, Pedro, espero poder progredir na vida de fé, colocar em prática os ensinamentos de Cristo, servir ao próximo e irradiar o Espírito de Cristo. "



“Eu, Pui Fan, estou muito feliz por poder fazer parte dos Associados do CND. Através desta comunidade de amor, quero comunicar o amor do Senhor para que outros o conheçam. "






Aderir como membro associado, "é viver a espiritualidade do CND e compartilhar sua missão. Com Pierre Fourier e Alix Le Clerc, não podemos dissociar os dois: 'Ver as pessoas como são, ou melhor como podem ser, não como deveriam ser' é tanto espiritualidade como missão. Então, 'Para um novo mundo, vá, faça-o crescer! "

Os associados de Hong Kong têm cerca de quinze anos. Eles se reúnem a cada dois meses e escolhem um evento anual de caridade. Uma peregrinação a um santuário mariano na China está planejada. Eles criaram seu logo: a cruz CND sobre um fundo de símbolos da cidade de Hong Kong: um lixo, o Peak, o Centro de Convenções e a torre do HSBC! Dizem: “A cruz que nos é comum torna-nos verdadeiramente irmãos uns com os outros. "